Educação Avaliar se a estrutura é Determinado

Utilizar a equação 2J = M + 3, para determinar se a treliça é determinada. Nesta equação, J é igual ao número de articulações da asna e M é igual ao número de membros da treliça.

Criando um Modelo Estrutural

Continuando com a análise, se a equação é satisfeita. Se 2J Calcule cargas e reações 


Se 2J> M + 3, a estrutura é instável e colapso.

Desenhe um diagrama de corpo livre no papel de gráfico com as coordenadas XY. Para fazer uma análise estrutural de uma estrutura simples, que leva alguns pressupostos: que todos os membros da treliça são perfeitamente reto, todas as articulações das treliças são atrito e todas as cargas e reações ocorrem apenas nas articulações.

Faça um desenho simples da treliça. Mostrar todos os membros. Incluir o comprimento de cada membro e todos os ângulos formados nas articulações.

Desenhar e etiquetas. Indique o tipo de apoio - fixo, rolamento, etc

Mostrar todas as cargas aplicadas à treliça. Inclua os cantos, a quantidade de carga ea direção da força.

Calcula reações. As reacções são os vectores que compreendem qualquer força que é aplicada a um fardo. Toda força nesse exemplo é direcionado para o eixo x ou eixo y. Para uma treliça está em equilíbrio (seguro/forte), a soma das forças no eixo x = 0 e a soma das forças no y = 0. Com isto em mente, olhe para o truss e determinar as cargas como dado ea distribuição para cada junta. Por exemplo, considere o peso de uma treliça é de 1.500 quilos. Esta seria uma força ao longo do eixo x no sentido descendente, distribuídos por toda a rede (carga morta). Quaisquer cargas vivas deve ser indicada no problema dado.

Calcular os membros das forças internas. Isolar uma joint truss e desenhar um diagrama de corpo livre da articulação com a geometria básica e trigonometria:

Cada vector de força é uma força interna componente x e y-componente determinado pelo ângulo em que os membros de treliça se juntam. Usando os cálculos seguintes para calcular as componentes:

Força componente Y (Fy) = carga externa (F) x pecado do ângulo formado pelo membro rede e do eixo x.

Força componente X (FX) = f x cos do ângulo formado pelo elemento de estrutura e o eixo x.

Mais uma vez, a soma de todas as forças = 0

Portanto, F + Fx + Fy = 0. Esteja ciente dos sinais das cargas, pois o resultado final determina se o membro está em compressão (-) ou tensão (+).

Determinar a força da asna. Para determinar isso, você precisa ter informações sobre os materiais de construção de cada membro. Usando as forças devem ser calculadas no passo 2 ea força gráficos para o material dado, é possível determinar se a rede é suficientemente forte. Os gráficos mostram o membro largura material sobre o eixo-x, e as forças de tensão e de compressão no eixo do y. Cada carta tem uma linha de tendência correspondente. Desenhar uma linha reta de y para o valor da tração/força de compressão calculada no Passo 2 para o cruzamento com a linha de tendência. Deixe cair uma linha vertical para o eixo-x a partir da interseção com a linha de tendência para mostrar a largura mínima exigida do membro.