Minerais e outras fontes

A maioria dos fabricantes de vanádio é da República Checa e África do Sul. O elemento aparece em mais de 60 minerais extraídos comercialmente, muitas vezes em conjunção com o ferro e fosfatos. As melhores fontes de minerais de vanádio são Vanadinite, patronite, carnotite e roscoelite. Os processadores também recuperar vanádio a partir de petróleo e produtos químicos derivados de cinzas, como o item é encontrado naturalmente em líquido petróleo bruto.

Produtos Siderúrgicos

O Serviço Geológico dos EUA observa em seu relatório anual de 2009 sobre o vanádio que 93 por cento dos produtos de vanádio de metal para fins comerciais é usado por produtores de aço. A ficha técnica do Laboratório Nacional de Los Alamos expande sobre isso, explicando que os produtores de ferramentas de aço de vanádio usado em combinação com ferro no ferrovanádio mineral para fortalecer seus produtos para uso em processos de montagem de alta velocidade. Além disso, porque as ligações de vanádio tão facilmente com a maioria dos metais, folhas ou fitas a partir do elemento serve frequentemente como o material de ligação entre o aço e titânio.

Catalisadores 

O USGS identifica catalisador químico como o segundo uso comercial mais freqüente de vanádio. O elemento, cáustico, por si só, o que permite iniciar as reacções químicas necessárias para a produção de ácido sulfúrico e anidrido maleico, que é usado para sintetizar, fumárico e ácido tartárico.

Cerâmico

A forma intermediária comum de vanádio mineralizado pentóxido de vanádio (V2O5) é um pó avermelhado que os responsáveis ​​pelas cerâmicas às vezes uso como corante e um agente de endurecimento em seus produtos.

Produtos de alumínio

A liga de alumínio com vanádio faz o metal é útil para aplicações que exigem materiais fortes e leves, tais como conjuntos de rolamentos de motores de aeronaves e radiação escudos. Alumínio-vanádio liga bem com o titânio, fazendo com que o material é uma boa escolha para as células.

Ímãs

O vanádio é altamente magnético em sua forma elementar. Como resultado, os produtores têm de gerar campos magnéticos intensos com pequenos dispositivos tem adição de vanádio para outros metais magnéticos, pelo menos desde 1960. Ímãs vanádio apareceu em computadores, dispositivos de ressonância magnética e elétrica de células de combustível.

Pensão de alimentos

As pessoas consomem entre 10 e 20 microgramas de vanádio por dia, porque os elementos ocorre em águas subterrâneas e em mais carne, legumes, peixe, produtos lácteos e óleos de cozinha. O elemento não parece desempenhar um papel na nutrição e metabolismo, e, de acordo com a Agência dos EUA para substâncias tóxicas e registro da doença, os seres humanos têm experimentado Não são conhecidos efeitos adversos à saúde por ingestão de vanádio natural. Enquanto praticantes de medicina alternativa tout suplementos de vanádio como adições de insulina-like para a dieta que pode ajudar pessoas com diabetes controlar o açúcar no sangue, o Instituto de Medicina não encontrou nenhum benefício da suplementação de vanádio.