Indicadores de idade das camadas de rocha

Os fósseis são a ferramenta mais importante para determinar a idade de seqüências de rochas sedimentares em que ocorrem. Mesmo se você não fornecer um ano cheio de invólucro, fósseis dar idade confiável das rochas em que estão a ser comparado com espécies semelhantes em outras regiões. Essas correlações são possíveis através da consulta do registo fóssil, um catálogo detalhado de exposições cobrindo a escala de tempo geológico concordou. Índice fósseis são ideais para reuniões e rochas circundantes são comuns, bem preservada e facilmente reconhecível. Também chamado de fósseis da região, os mais importantes são amonites, trilobites, graptolites e pólen.

Hábitos e comportamento

Os fósseis são a única ligação com a vida de criaturas antigas ou extintas, e um monte de informação que você pode obter a partir desses solitários, objetos frágeis. O que os animais comem e como eles se moviam, suas interações sociais com o outro e como eles criaram seus filhos podem ser aprendidas através do estudo dos ossos e camas fósseis. Restos bem preservados de criaturas antigas, como esqueletos, impressões digitais e dentes, pintar um retrato do que a sua vida era como incluídos se eles viajaram em embalagens ou sozinho, as condições de vida têm preferido e padrões de migração seguido de espécies individuais.

Indicadores Ambientais 

Informações básicas, como onde a rocha foi depositado em quais tipos de organismos habitado o ecossistema antiga pode ser obtido a partir de alguns ossos bem preservados ou outros fósseis. Com o uso de organismos vivos, como saltar fora do ponto, os cientistas podem criar uma imagem de que o ambiente de educação de qualquer local da escavação no mundo costumava ser assim durante a vida das plantas e dos aminais encontradas. Órgãos com descendentes que vivem naturalmente produzir os resultados mais fiáveis, como as previsões se tornam menos precisas quando os cientistas conhecer plantas e animais extintos, cujas necessidades de sobrevivência nunca será totalmente compreendido.

A paisagem em mudança

Os fósseis fornecem evidência de mudanças na crosta terrestre ao longo do tempo, inclusive deslocando massas de terra, as formações montanhosas e outras mudanças já que os fósseis foram depositados. Os cientistas podem discernir como a superfície real da Terra passou a ser considerando fósseis de plantas e animais similares encontrados em rochas sedimentares do mesmo período de tempo a partir de diferentes partes do mundo. Os fósseis de diferentes idades estão em diferentes fraturas e falhas nas áreas circundantes oferecem uma versão deste movimento da crosta terrestre, embora a mudança não é visível a olho nu.

Evidência para a Evolução

Sem combustíveis fósseis, não haveria nenhum traço de iniciação, progressão e evolução contínua da vida que vem ocorrendo na Terra ao longo de milhões de anos. O conhecimento dos organismos extintos teria sido perdido em tempos, e qualquer compreensão de plantas e animais modernos seriam aprendidas somente de espécies existentes. Fósseis são fundamentais para a compreensão da evolução da vida na Terra, assim como o próprio planeta, e informações sobre a evolução de conchas e ossos, quando os mamíferos apareceram primeiro, quando os animais começaram a tomar o vôo e períodos de extinções revelado massa em nosso planeta.