O Super Bowl é o maior evento televisivo do ano. Quando você pensa sobre o Super Bowl, você poderia pensar em grupos de pessoas estacionados no sofá, cerveja na mão, lanches abundantes e televisores que transmitem o jogo grande no volume máximo. Enquanto o jogo pode ser a atração principal, muitas pessoas assistir o Super Bowl para os comerciais. Os anunciantes e as empresas também pensar no Super Bowl como o seu grande dia e um monte de estratégia vai para sua publicidade. Ponto

interativo

Alguns publicidade Super Bowl, sites e oportunidades para se inscrever em uma tentativa de obter o valor da atenção de seu público por mais de 30 segundos. AIS mídia, uma empresa de publicidade interativa, diz que o tráfego de 2.010 web relacionados com o Super Bowl ", os anunciantes do Super Bowl do ano passado viu um afluxo 5-7.000.000 visitantes dentro de um período de 24 horas depois que foi ao ar um comercial . Uma das maneiras mais fáceis de fazer isso acontecer é adicionando o URL da sua empresa para a sua publicidade ".

Construindo o

antecipação

O Super Bowl tem a distinção de ser um evento em que os comerciais são às vezes mais divertido do que o próprio jogo de futebol. Por esta razão, algumas empresas exagerar seus anúncios com "pré-anúncios". Por exemplo, estrategista de marketing Bobette Kyle processou a AT & T abordagem criativa: "Anonymous MLife local nos dias antes do Super Bowl tem causado muitos a perguntar: 'Mas o que é MLife? No final do jogo, a AT & T revelou MLife como o conceito de uma vida móvel, sem fio. MLife, presumivelmente, é um prelúdio para uma série de novos produtos da AT & T ".

bom uso de celebridades



Por meio superabundância de hoje, há uma superabundância de endossantes da celebridade e do conceito não é novo, mas em qualquer caso, o direito de celebridades vai fazer um comercial memorável. Snickers ícone octogenária Betty White usada com grande efeito, superando o medidor anúncio EUA hoje Super Bowl de 2010. O anúncio, que foi divertido, mas não é risque, foi um triunfo do marketing, como EUA Today informou que os espectadores gostava que mais do que qualquer outro negócio naquela noite.

Sentiment e apelo mais amplo

O Super Bowl 2010 mostrou que muitos anunciantes tentam associar seus produtos com o sentimentalismo e nostalgia. Stuart Elliot, um escritor para o New York Times, observou que muitos dos comerciais do Super Bowl 2010 usado celebridades velho e familiar e tentando manter o tom de sua luz spot: "Afinal, a melhor maneira de atrair um público de massa de 100 milhões ou mais americanos é geralmente para preencher pontos com hinos para o passado junto com a música cativante, estrelas, efeitos especiais, crianças e animais falantes atraentes. "